ir para o Museu Virtual Brasil
A+ A-

Diário de campo

Enviado por marina em 26/09/2012 ( 1229 leituras )

Roberto não mora mais no Jardim Montanhês, mas quis dizer que ainda mora porque gosta muito do bairro e fica muito por lá. A entrevista ocorreu na casa de sua mãe, D. Hilda, moradora do bairro há 31 anos.

A casa se destaca na rua Estevão de Oliveira. Na calçada, existem duas grandes castanheiras; no jardim, árvores e pequeninas flores vermelhas, próximas a um enfeite grande de cogumelos da mesma cor. As paredes azulejadas da varanda e a ausência de telhado colocam a casa diferente das demais. O final da rua dá de encontro com os muros do Aeroporto Carlos Prates e, a toda hora, se escutam os aviões.

Após uma conversa de mais ou menos 45 minutos com D. Hilda, Roberto, seu filho, chegou e pude fazer sua entrevista, focada mais na atividade de pára-quedismo que pratica.

Enfim, foram duas conversas agradáveis, ambos demonstraram interesse em abrir o site posteriormente e a marcar um dia para tirar fotos e recolher materiais como fotos antigas, diploma de pára-quedismo e carteirinha do clube formado no Aeroporto Carlos Prates.


Luciana Priscila do Carmo, 24/06/2005

Imprimir Enviar artigo para um amigo Criar um arquvo PDF do artigo

Escritório de Histórias
Rua Monteiro Lobato, 315 sala 402 - Bairro Ouro Preto - Belo Horizonte- MG Cep: 31310-530 Telefone: 31 3262-0846

Entrar | Créditos
Bertholdo © 2009